Pular para o conteúdo principal

Mais 3 novos mixes para novembro 2011 SJ #101,102 e 103

Bad news, acabei de descobrir que o link para o Podcast #100 não estava funcionando, apesar de ter testado trocentas vezes. Não sei o que aconteceu, porém, estou upando o mix de novo. (EDIT: Já voltou ao ar, mas em outro link)


Ainda estréia mais 3 mixes: 101,102 e 103. Ia publicar só 2, mas o 103 está muito bomm pra deixar pra dezembro!



Superjukebox - Vol.101 - Get Me To The Disco Mix

Mixado em 02 de setembro de 2011

O resultado pode surpreender. Coloquei as conhecídissimas "Zodiacs" de Roberta Kelly e "Do you wanna go party" do KC & the Sunshine band.,

Roberta Kelly é uma das divas da Disco Music, sucesso garantido nas pistas que ainda está na ativa, visite o site dela aqui! "Zodiacs" chegou ao #24 no chart Dance Music/Club Paly Singles em 1977 e foi produzida por Giorgio Moroder e Pete Bellotte e arranjada por Thor Baldursson (Munich Machine)

 KC & the Sunshine band nem precisa falar muito: uma das maiores bandas dos anos 70, ganhador do Grammy (Saturday Night Fever) e produtor de vários sucessos. "Do You Wannna Go Party?" bateu o #50 no Billboard Hot 100 e #8 no R&B Singles de 1979.

Teve ainda o indiano Appaiah Biddu ou Biddu & The Orchestra com uma música muito legal que nunca ouvi tocar por aí. "Spring" do álbum Eastern Man de 1977 (#34 no Billboard Dance Music/Club Play Singles), com vocais dele mesmo, semelhante à conhecida "Girl You'll Be A Woman Soon".

Shirley Bassey com uma delícia de cover lindo de 1977 de uma música que eu adoro e qu não vou dizer o nome pra não quebrar a expectativa! Teve Strutt  "Said You Didn't Love Him", banda que lançou apenas um álbum em 1975 pelo selo Brunswick/Victor. A versão instrumental dessa música é de se rasgar de tão perfeita (está presente nesse mix sem vinhetas. Essa música é um belo exemplo de como teve coisa boa que passou despercebida nos anos 70 e 80, por falta de publicidade, distribuição,etc...Teve ainda mais tetéias que só ouvindo pra se arrepiar.

baixe/ouça aqui



Superjukebox - Vol.102 - Rapid Fire Vol.3 Mix

Mixado em 19 de setembro de 2011

Mais uma seleção rápida, com cortes mal feitos e corridos. Cheio de contra-tempos. Músicas com qualidade de som ruim, entrei com "I Want Your Love" do Chic e descobri que era versão ao vivo...Mas, o resultado ficou decente! Tirando que passei algum tempo remixando tudo de novo, remasterizando e recortando. ¬¬''

Fui secão em "Shine On Silver Moon" de Marilyn McCoo & Billy Davis Jr. (foto ao lado) e descobri que estava um som horroroso, tive que usar a arte ninja do edit, mas melhorei o som MUITO, essa música está no 3º álbum da dupla Marilyn & Billy, de 1978 (visite o site deles aqui). Tirando que a música estava bem baixinha, é uma gema preciosa. A dupla está fazendo shows ainda hoje!

Nesse meio tempo descobri que "Here's To You" (#24 no chart Billboard Dance Music/Club Play Singles de 1981) do Skyy combina direitinho com Rap-O Clap-O do "Joe Bataan" Nitollano. Seria porque são 2 pérolas do selo Salsoul Records?

O Skyy, na batuta do produtor Randy Miller lapidou esse sucesso dessa banda, entre outros. Randy Miller também produziu o mega-sucesso de 1975 "Express" do BT Express, além de Cameron e Brass Construction. O álbum Skyyport em que está essa música chegou ao #80 no top 200 da Billboard do ano de 1981.

Joe Bataan lançou o single "Rap-O Clap-O" entre 1979/1980. De um lado era o instrumental e de outro o vocal. Em 1980 veio o LP com a suite Mestizo/Rap-O Clap-O/Sadie (She Smokes) (um pedaço de Mestizo ainda se ouve no mix). Ele tem sua página no Myspace, visite!

Teve Alicia Bridges com o sucesso "I Love The Nightlife", apesar dessa música ser maravilhosa e ela ser considerada uma Disco Diva, ao meu ouvido, o LP que leva o nome da artista é muito sem graça. Levando em conta que era uma coisa meio orientada ao country e "I Love The Nightlife" parece surgir no meio da bagaceira, coisa de gravadoras, isso levou o álbum ao Billboard top #30 R&B Albums e #33 The Billboard 200 em 1979.O single sozinho chegou ao #2 do Dance Music/Club Play Singles. A música foi revisitada no início dos anos 90 e com o filme "Priscila A Rainha do Deserto".


Às vezes acontece de as músicas não 'casarem' na hora do mix, por conta do BPM, mood. Esse mix bateu o recorde AO CONTRÁRIO. Vários casamentos interessantes, mas quando chegar em um dos meus artistas preferidos, Gino Soccio com "Dancer" (#48 no Billboard Hot 100 e #40 no R&B Singles) o negócio fica de outro mundo, com electro-disco e uma pérola que deixei pra tocar por último.


baixe/ouça aqui

Superjukebox - Vol.103 - NuDisco mix

Mixado em 19 de setembro de 2011
(Fora do ar provisoriamente motivo: copyright)

Que eu sou entusiasta de House Music está na cara, já que esse não é o primeiro e nem será o último mix de House e Deep House.

Nesse eu mergulhei em experiências estranhas, além de visitar o selo Crydamoure, um dos principais expoentes do French Disco dos anos 90 e 00. Criado por Guy-Manuel de Homem-Christo (Daft Punk) com seu amigo Eric Chedeville, conhecidos por Le Knight Club, lançou muita coisa boa. Os 2 álbuns de coletânea WAVES são arrepiantes, com música crua, samples indistinguíveis de artistas da Disco Music conhecídissimos, que gera até "caça ao sample" no Youtube, uma vez que muita coisa está tão filtrada e recortada que só um nerd com poderes especiais consegue identificar. E eles conseguem sim!

O Le Knight Club apareceu com Cherie D'Amour, uma delícia que usa samples de Frisky "Love At First Sight" (1ª música do Superjukebox - vol.71). Teve DJ Falcon com  "Honeymoon", que usa samples de "Stand By de Natalie Cole de 1979. Nudisco com Phoenix, Hott22 e Pontiac, músicas que fizeram o Anthem só na Europa, uma vez que aqui a gente ouve Ivete Sangallo e Tiririca nos clubs e rádios.

Teve ainda Mr. Flash com "Disco Dynamite" (2006 - Ed Banger Records), que eu ouvia havia algum tempo, e fiquei chocado ao ouvir de onde ela foi parida: Belle Époque, "Bamalama" de 1977, completamente desfigurada de ótima!

Vai ter um Gary's Gang "Doing At The Disco" triturado e muito bom que virou "Patrick 122" do Mr.Oizo! Enjoy!

baixe/ouça aqui


E foi isso aí!

Ouça tudo aqui!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Abertura de novela: Locomotivas (1977)

Tracklist Internacional:

A1  Morris Albert  - Conversation
Written-By – Morris Albert A2  –Candi Staton - Young Hearts Run Free
Written-By – David Crawford A3  –Michael Sullivan (2) - Sorrow
Written-By – Michael Sullivan (2)R. Lee Mark A4–Grace Jones - That's The Trouble
Written-By – Grace JonesPierre Papadiamandis A5  –Ornella Vanoni - Più
Featuring – JovanottiWritten-By – Sergepy*, Maurizio Piccoli A6–Cerrone - Love In C Minor
Written-By – Alec R. CostandinosJean-Marc Cerrone* A7  –Steve Maclean - Sweet Sounds, Oh! Beautiful Music
Written-By – Rose AnneSteve MacLean B1–Richard Young (16) - Rainy Day
Written-By – J. CampbellNat AdamsTeddy Klier B2  –Andrea True Connection - New York, You Got Me Dancing
Written-By – Gregg Diamond B3–Alessi - Sad Songs
Written-By – AlessiBilly Bobby B4  –The Universal Robot Band - Dance And Shake Your Tambourine
Written-By – Patrick Adams B5  –Cook & Benjamin Franklin Group - Movin' On
Written-By – Bixio, Frizzi & Tempera,

Tina Charles

Tina Charles nasceu em 10 de março de 1954, na Inglaterra. Começou a cantar aos 15 anos, lançando 3 singles pela CBS, gravados no Studium Chappel, em Londres, tendo como backing vocal um certo desconhecido chamado Reg Dwight, que posteriormente viria a ser conhecido como nada menos que Elton John. Em 1975 ela se juntou ao seu amigo Martin Jay e surgia o Airbus, depois batizado de 5000 Volts.

O seu primeiro sucesso foi o b-side de seu single "Bye Love", "I'm On Fire" foi um sucesso mundial, chamando a atenção do produtor Biddu, o mesmo que havia pouco tempo tinha lançado com Carl Douglas o super hit "Kung Fu Fighting".

Durante o periodo de 1975-77 foram vários sucessos ao redor do mundo: "I Love To Love" por exemplo, vendeu mais de 26 milhões de cópias. Em 1976 lançou seu primeiro LP: Dance Lady Dance , acompanhada por uma banda que incluía membros do que seria o Buggles, Trevor Horn and Geoff Downes.

Nesse período de absoluto sucesso ela viaj…

Roy Ayers Ubiquity

Ouvi um dia o VJ Fabio Massari da MTV falar de Roy Ayers Ubiquity em um daqueles programas que passam em horário incerto, a cara da MTV, que coloca o bom gosto em segundo plano, sempre.

Roy Ayers nasceu em Los Angeles, Califórnia/USA, em 10 de setembro de 1940. Foi vibracionista de Jazz nos anos 60 e formou sua própria banda nos anos 70. É tido como precursor do Acid Jazz e tem suas músicas muito sampleadas nos dias de hoje.

Nasceu em uma família de músicos: seu pai tocava trombone e sua mãe era pianista, lhe ensinando a tocar quando pequeno. Começou a tocar aos 17 anos na cena do Jazz, posteriormente veio a se juntar a sessões com Herbie Mann, o que lhe abriu os caminhos para o conhecimento musical deoutras áreas que não o bebop o qual ele cresceu ouvindo.

Tendo formado sua banda em 1970, aos poucos foi incorporando ao estilo Jazz componentes de R&B, Funk e Disco, fazendo muito sucesso comercialmente.

Nos anos 80, além de continuar com sua banda, colaborou com Fela Kuti, ainda produz…